Imagem para Barril De Pólvora

Barril De Pólvora

O rock e heavy metal são estilos que estão em constante transformação. A saber, temas associados a diversos comportamentos formam cenas ao redor do mundo. Inegavelmente, a banda Barril De Pólvora encontra espaço neste meio e segue triunfante. A banda surgiu em 2005, em Belo Horizonte/MG, por músicos inspirados na vanguarda. Assim sendo, o quarteto é fonte de riffs, solos e pegadas com origem no blues, rock e metal.

Atualmente formada por Flávio Drager (vocais), Emerson Martins (guitarras), Saulo Santos (baixo) e Alexis Bomfim (bateria), a banda focou sua direção na cena brasileira. Com a finalidade de agrupar ideias para o primeiro álbum, o CD saiu em 03/18 com o nome de “Barril de Pólvora”.

Além de registrar a estreia da banda em estúdio, o CD contou com André Cabelo (Chakal) nas mixagens e masterização. Além disso, o maestro Rodrigo Garcia assumiu a produção. O álbum é o encontro do tradicional com o moderno graças à formação dos membros, que se baseia na velha escola. Da mesma forma a qualidade dos profissionais de estúdio salvou o grupo da comparação a nomes da cena retrô.

O videoclipe de ‘Barril de Pólvora’, com direção de Sandro Guimarães, saiu para promover o CD. Como resultado, a seleção de imagens e dramatização representa um quadro de conflito, caos e revolta social. Ao mesmo tempo em que as pessoas assistiam ao clipe, o grupo caia mais nas graças do público.

MAIS CONSAGRAÇÃO DA BARRIL DE PÓLVORA

Não demorou até a banda se apresentar em programas de TV, rádios e web rádios, dentro e fora de Belo Horizonte. Por consequência, a expressão fez o quarteto subir em palcos de muitos festivais. Contudo, os fãs passaram a exigir novidades que vieram na forma do lyric video de “Muito Papel pra Pouca Solução”. Em princípio, com letra satírica e de protesto, a canção denuncia a burocracia das repartições no Brasil.

No dia de lançamento do lyric video, chegou às bancas de jornais do país a Revista Roadie Crew ED # 237. Posto que a banda já gozava de grande prestígio, a revista veio com uma entrevista da Barril De Pólvora. Só para exemplificar, um mês antes o seu CD saiu em resenha na mesma revista. Em síntese, ele também recebeu elogios de outros veículos, tais como Roadie Metal, Heavy Metal Thunder, Metal na Lata, Whiplash etc. Ao final de 2018, listas de melhores do ano, desses e de demais apoiadores da cena como Rock Vibrations e Rock on Stage, relacionaram o seu debut em suas indicações.

Com um álbum de metal em português, se perpetuou o som do “Barril” pelo país. No entanto, seus riffs atravessaram as fronteiras e chegaram a outros países da América do Sul. Ao passo que isso se multiplicava, os músicos respondiam entrevistas a veículos de imprensa como o blog argentino El Aguante Al Metal: La Lucha Continua.

Com força total, o grupo se destaca ao mostrar a todos que vale a pena fazer rock e metal numa era de avanços tecnológicos. No momento em que o heavy metal está cada vez mais moderno, chega a Barril De Pólvora para resgatar a essência.

CONTATO

https://www.barrildepolvora.com/links