Holdark: confira como foi a gravação da guitarra de “Fly My Ravens”

Fly My Ravens” é o primeiro single lançado pela Holdark e, quando foi lançado em janeiro de 2018, conquistou facilmente a atenção e simpatia dos headbangers brasileiros. Adeptos de death metal, doom metal e folk são os que mais se cativaram pela explosão e melodia da música que explora o tema viking, contribuindo com essa cultura no cenário nacional.

Pensando no número de fãs que aumenta desde o lançamento de “Fly My Ravens”, a Holdark disponibilizou em sua página oficial no facebook, alguns vídeos que mostram trechos de sua gravação. No dia 6 de março, os principais veículos da imprensa metal no Brasil, publicaram o vídeo de Humberto Masçau, dando vida à parte rítmica do single com o seu poderoso baixo.

Agora é a vez do público conferir um trecho da gravação da guitarra de Francisco Vidal. O músico que exibe influências de guitarristas como Gregor Mackintosh (Paradise Lost), Esa Holopainen (Amorphis) e Niklas Sundin (Dark Tranquillity), aparece executando sua performance no Estúdio 8, em Tatuí/SP, onde foram gravadas todas as sessões e trabalhadas pelo produtor Iago Pedroso.

Confira:

Gravando as guitarras!

Gravando as guitarras de "Fly my Ravens"!!!!!! Hail Thor#manfordguitar #gotohpickups

Publicado por Holdark em Quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Através de sua assessoria de comunicação, o grupo que além de Humberto e Francisco conta com Luciano Scanhoela (vocal e guitarra) e Wendel Rodrigues (bateria), informa que já está no mesmo estúdio gravando o próximo single, e que também disponibilizará vídeos das sessões aos seguidores da banda até o dia de seu lançamento oficial. Fique ligado!

Contato:

holdarkofficial@gmail.com

https://www.facebook.com/holdarkofficial/

Assessoria:www.braunamusicpress.com